Estudar ouvindo música é um tema que gera discussão. Alguns dizem que atrapalha, outros que ajuda. A verdade é que a música, quando usada corretamente, pode ajudar a melhorar a concentração, a memorização e a disposição durante os estudos. Veja abaixo algumas dicas de como não errar na hora de usar esse método.

 

Estudar ouvindo música clássica é ótimo para exatas

Pesquisadores de países como França, Alemanha e Inglaterra concluíram que, estudando matérias de exatas, os alunos que escutaram a músicas clássicas tiveram mais facilidade em aprender os conteúdos e resolver os exercícios. Isso acontece porque a música clássica estimula a concentração e o raciocínio lógico.

 

Estudar ouvindo rock e eletrônica ajuda em humanas

Algumas pesquisas também mostram que combinar o ritmo dos estudos com o da música faz com que o cérebro funcione de maneira mais eficiente. Além disso, é comprovado que gêneros musicais como rock e eletrônica ajudam a ativar o pensamento criativo. Assim, eles são muito úteis nas matérias de humanas.

 

 

Não deixe o volume muito alto

A música pode ser ótima para ajudar na concentração. Porém, o volume muito alto pode fazer com que ocorra o efeito contrário, distraindo o estudante. Após muitas horas,  isso pode até causar dores de cabeça.

Escutar sons da natureza alivia o estresse

Independente da matéria estudada, ouvir playlists com sons da natureza, como de florestas ou de chuva, ajuda muito na concentração e a aliviar o estresse,. Isso faz com que se tenha mais disposição para estudar por muitas horas.

 

Não escute um idioma que você não entenda

Do mesmo jeito que ouvir a música em um volume muito alto prejudica a concentração, escutar algo em um idioma desconhecido também. Isso acontece porque a língua que não é entendida fará com que o cérebro se esforce para compreender o que está sendo ouvido. E então fica difícil focar no que está sendo estudado.

 

Evite as playlists com propagandas

Escutar música com playlists do YouTube e do Spotify pode ser um problema. As propagandas frequentes estarão sempre interrompendo a concentração. O melhor a se fazer é baixar as músicas e criar sua própria playlist, ou usar um aplicativo que não tenha muitas propagadas.

 

Outra coisa muito importante a se lembrar é que nem todas as técnicas de estudo funcionam para todo mundo. Por isso, é importante sempre testar e encontrar a que funcione melhor.

 

E para você, estudar ouvindo música ajuda ou atrapalha? Compartilhe com a gente!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *